ÚLTIMASNOTÍCIAS

Saiba como divulgar o mais recente single da 5 Seconds of Summer nas principais rádios e programas de TV do Brasil, como pedir matérias sobre a banda em revistas e shows!

Na última sexta-feira (15 de julho), a 5 Seconds of Summer lançou seu novo single, “Girls Talk Boys”, que faz parte da trilha sonora do reboot do filme “Ghostbusters”, estreado no mesmo dia. Antes do lançamento, trabalhamos em um projeto e promoção de pré-divulgação da faixa (o “5SOS Brasil Challenge”), e agora, com ela disponível para compra e streaming, chegou a hora de podermos ouvi-lá nas rádios e ver seu clipe na TV!

CncdB1IXEAQ6nqs

Para isso, começaremos o projeto de divulgação efetiva da música, usando o Twitter (@5SOSBrazil), o WhatsApp e outras ferramentas, com mutirões DIÁRIOS de pedidos.

Assim como no “5SOS Brasil Challenge”, o projeto terá uma tag especial, por conta da música fazer parte da trilha de “Ghostbusters”, que identificará o trabalho feito pelos fãs durante os mutirões: #5SOSBrasilGhostbusters!

Então, prontos para divulgar “Girls Talk Boys”, pedir por matérias e shows da 5SOS? Confiram abaixo como participar dos mutirões, fazer os pedidos e comprar o single!

Agenda:

Todas as atividades poderão ser feitas fora dos dias determinados, as datas estão marcadas apenas para que a  equipe do site possa fazer chamadas ocasionais no Twitter, podendo manter o foco em uma atividade por dia.

  • Segunda-feira: pedidos nas rádios e nos canais de TV.
  • Terça-feira: pedidos de matérias nas revistas brasileiras e de shows no Brasil.
  • Quarta-feira: mutirão de streaming do último single no Spotify e de visualizações do clipe mais recente no YouTube.
  • Quinta-feira: pedidos nas rádios e nos canais de TV.
  • Sexta-feira: compra coletiva no iTunes e mutirão de streaming do último single no Spotify.
  • Sábado: dia livre para todas as atividades.

Peça “Girls Talk Boys” nas rádios brasileiras

WhatsApp

Mensagem:

“Olá! Eu gostaria de ouvir ‘Girls Talk Boys’, da banda 5 Seconds of Summer, na programação! Obrigado (a).”

Radio Disney: 11 94399-9130

MIX Rio: 21 99688-5754

FM O Dia Rio: 21 96491-6018

FM104: 43 9617-1041

Jovem Pan BH: 31 9901-0991

Atrativa FM: 98 9151-2740

Transcontinental FM: 11 94752-4649

Regional FM: 48 9191-8081

Capital FM: 45 8826-9567

Imperial FM: 53 9112–2007

Itapoan FM: 71 88750975

Rádio Super FM: 15 99610-7496

Hot 107 FM: 14 99711-5977

Esteriosom FM: 19 99809-0046

MIX FM Porto Alegre: 51 9127-1071

Santana FM: 37 8828-8001

Clube FM: 41 9194-8543

Zebu FM: 34 9892-9393

Bahia FM: 71 9905-8870

96,1 FM: 54 9618- 2985

Princesa FM: 12 9912-5550

98 FM Joinville: 47 9121-0089

94FMDourados: 67 9972-9494

Líder FM: 94 99105-2029

Rádio Caiçara: 51 9987-8101

Caiobá FM: 41 9638-8601

ElDorado Poá: 51 9838-9847

Mix Litoral – 98.1 FM: 13 98124-6921

Real FM: 031 8883-165

99,5 FM Goiânia: 62 8598-9950

DFM: 17 98158-4622

98 FM Curitiba: 41 9695-9810

Interativa FM: 62 9829-7499

Jovem Som: 18 99659-2194

Vilabela FM: 87 9901-3232

Twitter

Rádio Mix:

Jovem Pan:

Rádio Disney Brasil:

Rádio Transamérica:

Metropolitana FM:

Rádio FM O Dia:

Oi FM:

Energia 97 FM:

Interativa FM:

Telefone

Rádio Mix: (11) 3253-4000

Rádio Jovem Pan: (11) 3252-6456

Rádio Disney: (11) 3505-9130

Rádio Transamérica: (11) 3025-1001

Metropolitana FM: (11) 3171-3388

Rádio FM O Dia: (21) 2509-9030

Energia 97 FM: (62) 3222-3197

Interativa FM: (62) 3222-9494

Site

Rádio Mix (clique aqui)

Escreva “5 Seconds of Summer” no primeiro espaço, “Girls Talk Boys” no segundo e aperte o botão “ENVIAR”.

GirlsTalkBoysMix

Espere a mensagem de confirmação e atualize a página para fazer o pedido novamente.

GirlsTalkBoysMix2

Jovem Pan (clique aqui)

Digite seu nome e email, escolha a opção “Pedido de música” no campo “Assunto” e cole a seguinte mensagem: “Olá, eu gostaria de ouvir “Girls Talk Boys”, da 5 Seconds of Summer, na programação! Obrigada.”, como no exemplo a seguir, envie, espera a confirmação e atualize a página para fazer o pedido novamente.

GirlsTalkBoysJovemPan

 

Peça “Girls Talk Boys” nos canais de TV brasileiros

Twitter

MTV Brasil:

Com a tag #BoysMagiaNoMTVHits

Com a tag #PavêNoMTVHits

Com a tag #MTVHits

Mix TV:

Multishow:


Play TV:

Com a tag #EuQMandoTwitter

Com a tag #PontoPopPlayTV

tumblr_oad03pfBkK1trq9l0o2_500

Peça matérias sobre a 5 Seconds of Summer nas revistas brasileiras

Twitter

Atrevida:

Atrevidinha: 

Capricho:

TodaTeen: 

 

Peça shows da banda em sua cidade

Visite a página da 5 Seconds of Summer no Queremos! clicando aqui e saiba como fazer o pedido do show clicando aqui.

Compre o single “Girls Talk Boys” no iTunes e ouça através do Spotify

Saiba como utilizar o iTunes clicando aqui e compre “Girls Talk Boys” na plataforma clicando aqui.

gtb-865x460

Ouça “Girls Talk Boys” através do Spotify abaixo.

 

Assista ao último vídeo clipe da 5 Seconds of Summer e ajude nas visualizações

Conhece um outro meio de ajudar a divulgar a 5SOS na sua cidade? Não deixe de compartilhar conosco via TwitterFacebook ou e-mail (brazil5sos@hotmail.com).

Ajudar a divulgar a 5 Seconds of Summer no Brasil é de extrema importância para banda e para nós, que almejamos tanto um show por aqui!


 Siga nosso Twitter (@5SOSBrazil) para atualizações rápidas e diárias.

Com seis álbuns e 20 anos de experiência em seu currículo, o Good Charlotte diz estar pronto para ajudar a próxima geração de artistas.

Ao ser entrevistado nas vésperas de sua apresentação como headline no Leeds Festival, Joel Madden disse: “É bom fazer um impacto positivo.”

“Não há nada mais gratificante do que ser um mentor.”

Seu irmão Benji acrescentou: “A maioria das bandas não sabe nada sobre essa indústria e recebe conselhos errados vindos de pessoas erradas.”

“Quando você é uma criancinha começando uma banda, você não sabe para onde isso irá te levar.”

proud of our @5SOS boys

Uma foto publicada por Benji Madden (@benjaminmadden) em

Uma das bandas sobre a qual eles colocaram suas asas é a 5 Seconds of Summer.

Eles compuseram músicas com o grupo, trabalharam em seus dois últimos álbuns e até colaboraram com eles em um single para a caridade.

“Eles são tipo nossos irmãos mais novos”, disse Benji.

“Eles sabem que podem contar conosco a qualquer momento, para qualquer coisa. Eles são caras realmente legais e podem nos ligar a hora que quiserem.”

Ele explicou como, depois de ter a chance de conhecer e aprender com bandas como Metallica, eles querem passar seus conhecimentos para mais bandas.

“Nós somos muito honestos com as bandas. As damos conselhos reais.”

Joel acrescentou: “É bom não ser uma dessas pessoas dessa indústria que tenta tirar proveito dos outros.”

“Nós amamos fazer parte das conversas musicais, sejam elas sobre uma banda ou um artista solo.”

“Na nossa idade, é interessante, porque fazemos muitas coisas no mundo da música, fora do Good Charlotte”.

http://ichef.bbci.co.uk/news/976/cpsprodpb/8F9C/production/_90946763_goodc2-getty.jpg

Quanto a sua própria música, os irmãos Madden disseram que não ter um plano específico ajudou a banda a prosperar após seu hiatos de quatro anos, que chegou ao fim em 2015.

“Nós fizemos coisas que nunca pensamos que faríamos. Agora o Good Charlotte é mais como um hobby – é um passatempo muito especial”, disse Joel.

“Espero que possamos manter as pessoas se perguntando sobre nós, mas continuar lançando discos especiais para os nossos fãs.”

“Estamos apenas fazendo os shows que queremos fazer. Nós não estamos tentando dominar o mundo.”

Fonte: BBC
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil

Durante o ano passado, a 5 Seconds of Summer atingiu um nível em que o grupo passou a tocar em grandes anfiteatros e arenas – os tipos de locais em que eles tocaram quando o grupo australiano abriu para o One Direction na turnê “Take Me Home”, em 2013.

Ser a atração principal dos grandes palcos nesse momento tem sido uma experiência bastante diferente do que ser a banda de abertura para o 1D em 2013.

“Foi realmente assustador para nós”, disse o guitarrista Michael Clifford, relembrando os primeiros shows com a One Direction durante uma recente entrevista por telefone. “Quando começamos essa turnê em 2013, ninguém sabia quem nós éramos. Nós meio que tivemos que construir esse reconhecimento ficando melhor, melhor e melhor ao vivo. Foi quase como, se tudo com o que nós nos preocupamos por um longo tempo, tivesse sido como nós poderíamos nos tornar uma banda melhor ao vivo, tocar melhor, ter o público interagindo mais e coisas assim. Mas voltando para este ano, para agora, vemos quantos shows nós tocamos naquela turnê do One D e o quanto eles nos ajudaram a criar as nossas apresentações para que elas se tornassem o que gostaríamos que fossem.”

Três anos mais tarde, é seguro dizer que um monte de gente – especialmente os fãs adolescentes – sabem quem a 5 Seconds of Summer é. O álbum autointitulado de estréia do grupo estreou como número #1 na parada de álbuns da revista Billboard, com vendas de 259.000 cópias na primeira semana – o maior total para uma primeira-semana de qualquer CD desde o álbum autointitulado do Daughtry, em 2006. Isso aconteceu apenas alguns meses depois da banda lançar seu primeiro EP em uma grande gravadora, “She Looks So Perfect”, que estreou como número #2 na parada de álbuns Billboard em abril de 2014.

Dois singles retirados do álbum chegaram ao top 20 da seção de todos os gêneros da Billboard Hot 100, e o grupo seguiu o lançamento do álbum de estréia com um CD, dessa vez ao vivo, intitulado “LIVESOS.”

Em seguida, no outubro passado, um segundo álbum de estúdio, “Sounds Good Feels Good”, chegou, e ele mostrou que a 5 Seconds of Summer havia mantido sua popularidade. Ele estreou como número #1 na parada de álbuns da Billboard e, desde então, ultrapassou a marca de platina – apesar de não ter tido nenhum single no top 20 da Hot 100. (“She’s Kinda Hot” parou na #22 posição).

No entanto, tem sido uma ascensão bastante rápida para o grupo que foi formado por Clifford, Luke Hemmings (vocais, guitarra), Calum Hood (baixo) e Ashton Irwin (bateria) em Sydney, Austrália, em 2011, enquanto eles eram estudantes da mesma escola.

O grupo começou a sua carreira postando vídeos no canal de YouTube de Hemmings, fazendo covers de uma série de músicas populares. Um tal vídeo, da 5 Seconds of Summer fazendo um cover de “Next To You” do Chris Brown, gerou mais de 600.000 visualizações. No verão de 2012, o grupo assinou um contrato com a gravadora Sony/ATV e lançou seu primeiro single, a canção original “Gotta Get Out”, que ficou entre as cinco primeiras posições do iTunes na Austrália.

Foi nessa época que Louis Tomlinson do One Direction postou um link em sua conta no Twitter do vídeo da versão acústica de “Gotta Get Out”, dizendo que era fã de 5 Seconds of Summer já fazia um tempo.

Veio então a oferta de participar de uma turnê do One Direction em 2013. Foi uma grande oportunidade, mas aceitar a turnê traria um problema para a 5 Seconds of Summer.

O grupo se considera uma banda punk-pop, seguindo bandas como Green Day e Blink-182, e se juntar ao One Direction com certeza iria culminar com a 5 Seconds of Summer sendo rotulada como uma boy band pop/adolescente.

“Eu acho que nós tivemos nossos momentos de dúvida ao pensar sobre isso”, disse Clifford. “Mas, honestamente, nós seriamos muito idiotas de não aceitar participar disso (da turnê com o One Direction), porque eu nunca pensei que tocaríamos em casas de show com capacidades para mais que, tipo, 1.500 pessoas na Austrália. Ao fazer isso, as portas realmente se abriram; a plataforma que [os shows] nos deram foi enorme.

“Bandas que eu gosto, como Blink, Green Day, Sum 41 e outras… tenho certeza de que se eles tivessem a oportunidade de (abrir para uma banda como o One Direction), tipo se alguém dissesse ‘ou você toca para um público roqueiro para sempre em uma escala menor, ou toca para uma multidão pop em todo o mundo’, eu tenho certeza que todos eles também aceitariam [tocar para a multidão pop, em todo o mundo]”, disse ele.

A turnê de 2013 da One Direction colocou a 5 Seconds of Summer no mapa da música pop em todo o mundo, e no final daquele ano, o grupo assinou contrato com a Capitol Records.

Clifford disse que o grupo espera que “Sounds Good Feels Good” tenha solidificado a noção de que 5 Seconds of Summer é um grupo de rock e não uma boy band. Os quatro membros da banda tem como objetivo declarado trazer o rock de volta ao rádio pop comercial.

“Com o (primeiro) álbum, nós estávamos realmente aderindo a um novo tipo de rock ou a um novo tipo de pop-rock”, disse Clifford, descrevendo “Sounds Good Feels Good” como uma espécie de reviravolta para os fãs do primeiro álbum, por conta do seu som de rock mais pesado. “Somos do tipo que vai continuar superando os limites, o tanto quanto pudermos. Eu acho que isso é o que sempre quisemos fazer, trazer as guitarras de volta ao rádio.”

Ao mesmo tempo, Clifford disse que a 5 Seconds of Summer tentou criar músicas que se encaixassem na rádio pop – e não agradasse apenas o público mais limitado do rock. Em especial, o grupo queria apelar para o público teen, que havia ganho na turnê do One Direction.

E, de fato, a 5 Seconds of Summer tem algo a mais em sua música que uma típica boy band. Até mesmo algumas músicas do primeiro álbum, como “Don’t Stop”, “She Looks So Perfect” e “End Up Here”, são um pouco mais ousadas do que as de uma boy band pop. “Sounds Good Feels Good” da uma amplificada nas coisas com faixas com um pouco mais de rock, como “Money” e “Fly Away”. Mesmo as faixas mais pop, como “Hey Everybody”, “She’s Kinda Hot” e “Safety Pin”, trazem grandes riffs de guitarra combinando com a doçura de seus ganchos pop.

“Sim, acho que escrevemos e fizemos música para… para apenas uma audiência mais acessível”, disse Clifford. “Tentamos garantir que as músicas sempre fossem, tipo, grudentas, cantáveis e outras coisas. Mas sempre houve essa pequena diferença. Não era a mesma porcaria que todo mundo está fazendo agora. E eu acho que este novo álbum está superando seus próprios limites do que a música pop-rock pode realmente fazer hoje em dia.”

A música do grupo deveria ser grande e vivada o suficiente para funcionar bem em anfiteatros. O grupo criar música desse tipo faz sentido, considerando que estes são os locais em que a 5 Seconds of Summer sempre quis tocar.

“Tem sido uma coisa enorme para nós chegar nesse ponto”, disse ele. “Quero dizer, tocar em uma turnê de arenas é o tipo de coisa com a qual você sonha.”

Fonte: Spokesman
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil

De alguma forma, na minha adolescência, não participei de toda a obsessão por boy bands. Eu era apenas um pouco velha demais para me juntar as meninas que desmaiavam por causa do New Kids on the Block, e nunca lotei meu quarto com cartazes de Joey ou Jordan. Eu não comprei seus álbuns, e definitivamente não implorava por ingressos para shows.

As coisas não mudaram novamente, quando, alguns anos mais tarde, bandas como Backstreet Boys ou N*SYNC chagaram na cena. Sim, eu amava os vídeos e dançava com as suas músicas, mas, novamente, eu não clamava por suas camisetas, livros ou qualquer outra mercadoria. Eu não era obcecada. (Já que é para me confessar… talvez agora eu seja um pouco obcecada pelo Justin Timberlake. Esse homem é brilhante!)

Quando eu era adolescente, meu armário era decorado com fotos de bandas como INXS, Duran Duran, Tears for Fears, Def Leppard e Poison. O mais próximo que eu poderia ter chegado do amor por boy bands foi ter gostado de Boyz II Men e Bel Biv Devo.

Então, quando a minha filha de 17 anos começou a implorar por ingressos da 5 Seconds of Summer quase um ano atrás, eu realmente não entendi muito bem o sentimento “eu tenho que ter um ingresso ou eu vou morrer”. Claro que eu amo seus hits “Amnesia” e “She Looks So Perfect”, mas um show inteiro? Bem … conheça Courtany Durrant [filha da jornalista autora do artigo] e sua descrição da noite de sexta-feira merecedora de gritos.

(Disclaimer: como muitas das fãs de 5SOS, Courtany é particularmente obcecada por um membro específico da banda. Como resultado, algumas respostas podem ser um pouco tendenciosas.)

Citação da noite: “Assim que a banda subiu ao palco, Courtany começou a chorar, dizendo: ‘Eles são reais'”, disse a irmã Brittany, concordando que o show foi incrível.

Membro favorito da banda: “Michael Clifford. Isso não é sequer uma questão. Ele é o amor da minha vida.”.

Performance favorita: “Eu amei cada uma delas. Foi a melhor noite da minha vida. Eu diria ‘Jet Black Heart’, porque essa música era ‘Michael’. Ele a cômpos e canta a maior parte. Eu chorei muito…”

Momento de solo favorito: “Cada solo de guitarra do Michael e seus discursos.”

Música favorita para cantar junta: “‘Waste the Night’, porque é a minha música favorita”.

Música favorita que eles não cantam: “‘Wrapped Around Your Finger.'”

Momento favorito de improviso: “Quando Michael estava tentando pronunciar Utah.”

E agora algumas observações oficiais da escritora:

*A lição de Michael sobre como incentivar adequadamente um encore. “Se você está pegando o que eu estou colocando para baixo …”, disse ele.

*Os gritos das milhares de adolescentes foram mais que ensurdecedores. Não tenho certeza de quando serei capaz de ouvir claramente novamente.

*Não havia muito relacionado a decoração no palco – mais uma razão para olhar para os quatro homens jovens e bonitos. Três telas de LED grandes e efeitos de iluminação sólidos foram tudo o que era necessário para agradar os milhares de pré-adolescentes, adolescentes, meninas de 20 e poucos anos, mães e pais, e namorados leais e maridos.

Fonte: Herald Extra
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil

COLOQUE ESSA COISA DE VOLTA DE ONDE ELA SAIU

Se você rolou a tela do seu Twitter recentemente e provavelmente descobriu uma tag chamada #RIPMichaelsEyebrowPiercing (#RIPPiercingdaSombrancelhadoMichael), é justo dizer que você passou por uma enorme turbulência emocional nas últimas horas.

Bem, apesar do próprio Michael Clifford ter postado uma imagem de si mesmo usando o tal piercing na sobrancelha um tempo depois, foi definitivamente um choque ver imagens de Michael sem o acessório no rosto. Naturalmente, a 5SOSfam enlouqueceu, e nós estamos incluídos nisso.

1 – A emoção inicial foi de total confusão.

“QUANDO MICHAEL CLIFFORD TE CONFUNDE E VOCÊ NÃO SABE O QUE FAZER!”
2 – Ninguém conseguia decidir qual foto estava dizendo a verdade.

“EU PRECISO SABER A VERDADE @Michael5SOS!”
3 – A opinião geral foi resumida pela seguinte imagem.

“Acordar vendo a tag #RIPMICHAELSEYEBROWPIERCING me deixou meio…”
4 – Uma estranha sensação de medo começou a se estabelecer nos estômagos de todos.

“Eu quando achei que a hashtag era falsa vs quando descobri que era real…”
5 – Muitas e queremos dizer MUITAS pessoas pediram por mais esclarecimento da situação.

“Michael tirou o piercing dele!”
“Não, ele não tirou, ele postou uma foto usando o piercing!”
6 – De repente pareceu que as coisas estavam acontecendo rápido demais.

“O LIP RING DO LUKE
A BANDANA DO ASHTON
O PIERCING DA SOBRANCELHA DO MICHAEL
EU NÃO ESTOU PREPARADA PARA O QUE O @Calum5SOS IRÁ FAZER FAZER!
7 – Todo mundo ficou preocupado com o que aconteceria com Calum a seguir.

“O cabelo do Ashton
O lip ring do Luke
O piercing da sobrancelha do Michael
a Fam protegendo o Calum
8 – O fandom tentou permanecer forte, mas falhou imensamente.

“Realmente eu.”
9 – As pessoas estavam pedindo por um retorno dramático do piercing da sobrancelha.

“Todo o fandom para o @ Michael”
10 – E a sensação avassaladora era de que uma vida sem o piercing na sobrancelha do Michael não seria uma vida de jeito nenhum.

Intenso.

Fonte: Sugarscape
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil

Em uma recente entrevista concedida ao site da Billboard, o cantor e compositor Roy English falou sobre estar participando da turnê da banda 5 Seconds of Summer, além de responder perguntas sobre seu mais recente EP intitulado “I’m Not Here Pt. 2” e sua linha de roupas.

Confira a entrevista completa aqui e leia abaixo o trecho em que a 5SOS é mencionada traduzido.

Em 2012, o então aspirante a cantor e compositor Roy English estava pronto para desistir de seu sonho de se tornar um músico profissional, para viver a vida simples de trabalhar em um Pizza Hut em Idaho.

[…] Agora, com o seu EP recentemente finalizado “I’m Not Here Pt. 2”, English está abrindo os shows da banda 5 Seconds of Summer na turnê “Sounds Live Feels Live”, e tem uma linha de roupas com ganhos voltados para a caridade chamada “I’m Not Here”. A Billboard entrevistou o nativo de Los Angeles sobre já ter sido morador de rua, sua iniciativa fashion filantrópica, e o por que “você está aqui”.

[…] O que você espera de abrir os shows da 5 Seconds of Summer? [English se juntou a turnê da 5SOS na semana passada.]

É tipo a minha primeira turnê, então deverá ser muito interessante. Meu primeiro show foi uma house party algumas semanas atrás, então estou indo de uma house party para uma arena e vai ser meio louco, mas muito bom ao mesmo tempo. Eu amo os meninos; eles são como meus melhores amigos.

Como você os conheceu?

Eu conheci os meninos há alguns anos; eles meio que simplesmente apareceram na minha casa, na verdade. Eu não sabia que eles estavam em uma banda ou qualquer coisa do tipo na hora. Nós só começamos a sair juntos e então, obviamente, eu ouvi a música deles e fiquei tipo, “Isso é muito bom!” Nós somos amigos desde então. Toda vez que eles estão na cidade, nós saímos, e há alguns meses eles me chamaram e disseram algo como, “Você quer sair em turnê com a gente?” E eu respondi: “Sim cara, vamos fazer isso!”

Fonte: Billboard
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil

A banda australiana 5 Seconds of Summer em apresentação no Sprint Center sábado passado, 20 de agosto.

Luke Hemmings fez uma pergunta retórica durante o show de sábado a noite no Sprint Center: “Vocês gostam de gritar?”

Mais de 10 mil garotas e jovens adultos gritaram o mais alto que puderam ao proclamarem sua adoração pelo quarteto australiano, durante sua apresentação de uma hora e 45 minutos. O grupo tentou justificar a afeição de seus fãs fazendo diversas poses, que foram projetadas nos telões, enquanto apresentavam o seu repertório de músicas.

Apesar de fazerem parte da mesma empresa que cuidava do grupo One Direction, o 5 Seconds of Summer não se enquadra na categoria de boyband. Os membros tocam os seus próprios instrumentos e escrevem suas músicas. Embora sua base de fãs seja constituída em grande parte por adolescentes, a banda tem um som meio rock, ao estilo do Green Day.

O grupo faz uma turnê atrás da outra. Ash Irwin, 22, baterista e o membro mais velho da banda, desempenhou o papel de contador de histórias durante o show; ele comentou: “se contarmos as turnês que fizemos como banda de abertura, esse é o quarto ano seguido que fazemos show nessa arena.”

Mas o trabalho duro foi recompensado. Os membros do quarteto se revezam nos vocais e atingem um equilíbrio adequado entre a musicalidade desleixada e mecânica. As pessoas se renderam a batida de “Girls Talk Boys” e a divertida “Good Girls” foi excepcional. Entretanto, muitas das músicas tocadas foram medianas.

Os artistas de abertura, Hey Violet e Roy English, possuem um material musical superior. A banda Hey Violet trouxe um estilo vintage da banda Blondie durante a música “Brand New Moves”, além de evocar características da banda Weezer. O Roy English que, assim como Hey Violet, também é de Los Angeles, apresentou composições pop sofisticadas como a música “Cool”. Enquanto muitas pessoas cantaram junto as músicas deles, elas reservaram os gritos estridentes para o 5 Seconds of Summer.

Grande parte desses gritos ocorreram entre o final dos solos de guitarra em “Castaway” e antes de “Jet Black Heart” começar. Michael Clifford ficou parado no palco sob um holofote por mais de dois minutos. Os gritos dos fãs aumentavam a cada momento que passava.

O fato de que os fãs terem adorado mais o 5 Seconds of Summer quando eles não estavam tocando é algo desconcertante. A explosão arrebatadora que acompanhou o silêncio de Clifford demonstrou que os verdadeiros astros do show de sábado foram os membros incrivelmente energéticos da plateia.

Fonte: Kansas City Star
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil

Ele poderia compartilhar a sua rotina de tratamento de pele com a gente.

O rosto do Ashton está com uma aparência excelente, e tudo graças ao incrível corte de cabelo novo dele. Agora temos uma visão melhor do seu rosto e estamos muito agradecidas por isso (por motivos óbvios).

Bom, percebemos algo um pouco estranho com relação à aparência do Ashton, algo que não parece estar certo. Até nos fez pensar que ele pode ter um retrato dele que envelhece escondido em sua casa, criando poeira.

Sim, o Ashton Irwin descobriu o elixir da juventude e parece estar bebendo-o insaciavelmente.

Você quer provas? Bom, veja o vídeo abaixo. Pode parecer loucura, mas esse vídeo não foi filmado em 2014, mas sim essa semana. EM 2016! O cérebro chega a ficar confuso.

Observe:

“O Ashton parece tão jovem!”
Apesar de ser bom ver o Ashton com uma aparência revitalizada, após uma pausa de apenas 2 semanas, receamos que se ele descansar por um período longo, possa voltar a ser um bebê.

Ainda sim, aposto que ele seria super fofo.

Fonte: Sugarscape
Tradução/Adaptação: Equipe 5SOS Brasil


5SOS BRASIL © 2014 - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Kézily Correa