#TV5SOSBrasil

AGENDA DE EVENTOS

17

08

In The Mix Festival | Manila, Filipinas

19

08

Summer Sonic 2017 | Osaka, Japão

24

08

Gronan Live | Estocolmo, Suécia

15

09

Rock in Rio | Rio de Janeiro, Brasil

Destaques

Eu entrei no 5SOSBrazil no dia 12 de junho de 2015 e desde então eu tentei dar ao máximo pela equipe, eu sofria todas as vezes que criávamos esperanças de 5SOS no Brasil e foram muitas vezes. Fiz amizades com pessoas incríveis e que levarei comigo, independe de onde eu esteja, Maria, Natália, Luíza, Larissa, Leticia e entre outras que o 5SOSBrazil me deu a oportunidade de ser amiga e a equipe maravilhosa que está sempre nos bastidores dando o seu melhor.
Chorei com lançamentos de musicas, sorri com premiações, fiquei exausta com votações e quase tinha um ataque todas as vezes que via uma foto, tentei dar conselhos e me irritei diversas vezes, porém eu fui feliz.
5SOSBrazil foi uma fase muito boa da minha vida, foram momentos que eu me sentia acolhida e podia respirar e me divertir, mesmo que o final da faculdade e o TCC estivessem me deixando cada vez mais esgotada.
2015 foi um ano extremamente difícil pra mim, enquanto eu falava com vocês todos os dias no Twitter, dava risada e tentava ser ao máximo presente, eu dormia cerca de três a quatro horas por dia, desenvolvi gastrite nervosa, sofria de ansiedade, meu namoro de cinco anos ficava cada vez mais esgotado e minha amizade de oito anos estava à beira de se perder e jamais ser recuperada, foi nessa época que 5SOS mesmo estando longe e vocês mesmo sem saber de nada me ajudaram.
2016 foi um ano complicado e difícil de entender, eu me formei, deixei a faculdade para trás, encerrei assuntos inacabados, comecei outra faculdade e perdi uma das pessoas que eu mais amo na minha vida, minha avó. Porém eu fui feliz, não plena, mas feliz.
2016 foi embora e 2017 chegou e chegou da forma que deveria ser: feliz e ao lado de pessoas que eu amo.
E algo que eu já havia entendido a muito tempo, porém estava em estado de negação, ficou ainda mais forte: mudanças existem e estão em nossas vidas para deixá-la cada vez melhor.
Chega um momento em nossas vidas que os pensamentos mudam, as prioridades mudam, algumas coisas que tanto gostávamos começam a não ser mais suficientes e começamos a deixá-las de lado, igual aquela música que jurávamos ser a nossa preferida e hoje já não suportamos a ideia de ouvi-las.
Eu entrei em um nova fase, onde 5SOS continua fazendo parte da minha playlist, porém fazem meses que não me importo onde eles estão, com quem estão ou o que estão fazendo. Foi então que eu percebi que 5SOSBrazil não fazia mais sentido, que apesar de amar o site e desejar que ele cresça cada vez mais, atualizar e procurar novas informações para vocês não fazia mais diferença.
Não sei como será a minha nova fase, mas sei que nesse momento eu quero trabalhar, focar em mim, casar, terminar minha segunda faculdade.
Quero agradecer a toda a equipe e desejar toda a força para aquelas que já estavam quando eu entrei e principalmente muita sorte para as que acabaram de entrar, como a Maria disse: esse é o momento de vocês.
E por ultimo, não tenham medo de mudanças, toda fase é boa, toda fase tem seus altos e baixos e todas elas são capazes de nos fazerem felizes, que vocês se encontrem, saibam aquilo que os deixam feliz e acima de tudo saibam a hora certa de deixar coisas para trás e abrir os braços para as novas.
2016 não foi fácil, mas 2017 chegou e façam desse ano o ano de cada um de vocês, não façam planos, mas vivam e sejam felizes.
E é assim que eu me despeço de todos vocês, dizendo muito obrigada e que eu desejo tudo de maravilhoso em suas vidas.
Agradeço a Fernanda, Estela, Júlia, Maria, Emily, Vivi, Carol, Hels e Ella [que não está mais na equipe, porém foi a primeira pessoa com quem eu conversei] por todo esse tempo. Desejo toda a sorte a Beatriz, Larissa e Lais e principalmente digo: obrigada, obrigada por darem uma chance para essa equipe.
Nós vemos no show do 5SOS quando o ‘Next Year’ do Ashton finalmente chegar e vocês sempre podem me achar no @irwinfodivel. Enquanto isso, fica o meu até logo.

Com amor, tia Be xX

  Amor de inverno

Fim do ano chega e junto com ele vem o Natal,a época preferida de todo mundo. Para muitos por uma questão religiosa,para outros é só mais um dia para se comer comidas gostosas e ficar junto da família,mas não podemos negar que o Natal – seja qual o seu propósito – é uma época de paz,amor e harmonia. Parece que o clima fica mais leve,a paz reina durante a semana que antecede a véspera e o amor se torna mais visível,pelo menos para Summer.

Sim,Summer. Ironicamente a menina com o nome verão tem como época preferida o Natal que é o bem no inverno. Mas por que o Natal é o feriado preferido de Summer? Simples. Seu namorado e amor de sua vida, Calum Hood .

Summer e Calum se conheceram a mais ou menos 3 anos atrás,na escola,perto da época de Natal.

As provas antes do recesso de final do ano estavam chegando e Calum precisava de uma tutoria em matemática – exatas nunca foi seu forte – e a professora o indicou uma das melhores alunas da sua série,Summer. O moreno de olhos puxados só ouvira rumores sobre a garota; diziam que ela era um tanto quanto esquisita,quieta,tímida e com um senso de humor ácido.

Quando foi indicado a pedir ajuda a mesma, Calum ficou com um pouco de receio mas do mesmo jeito foi – afinal sua nota estava em jogo – e no momento que a viu se arrependeu de tudo o que tinha pensado da menina.

Summer não era nada do que diziam. Ela só era mal compreendida. Calum por também ser um pouco tímido e quieto entendeu de primeira o que passava na cabecinha de Summer e posso dizer que a conexão começou ali, na biblioteca, a neve  caindo lá fora e Calum gaguejando ao falar com a linda menina.

“Summer é linda” pensou o moreno ao por os olhos nela. Seu cabelo castanho claro lhe caia perfeitamente em ondas pelas costas, seus olhos verdes se destacavam no rosto pálido feito a neve e seus lábios rosados juntos do sorriso deixaram o pequeno australiano encantado. Se Calum não acreditava em amor à primeira vista ele passou a acreditar naquele exato momento.

A tutoria fluiu tão bem que no ano seguinte Calum e Summer acabaram se tornando amigos. Sim,amigos. Ninguém acreditava que a “garota esquisita” tinha um amigo,um bom amigo. Mas isso mudou depois de um tempo. Quase um ano depois – em Novembro para ser mais exata – Calum e Summer perceberam seus sentimentos um pelo outro e se declararam. Óbvio que depois de um “eu realmente gosto de você” vindo dos dois eles começaram a namorar e isso se segue até os dias de hoje.

É dia 23 de Dezembro, Calum e Summer estão montando sua árvore de Natal em seu pequeno apartamento alugado. Estavam um pouco atrasados – a faculdade e o trabalho dos dois atrapalhou um pouco – mas isso não os impediu de montar sua árvore. Summer estavam desenrolando algumas luzinha para por na árvore enquanto Calum estava colocando alguns enfeites, então ao desviar os olhos para o namorado, Summer se lembrou o porque dela gostar tanto do Natal : Calum era o motivo. O moreno com feições asiáticas era o amor maior se sua vida, sempre doce e apaixonado, sempre paciente quando a menina tinha seus dias de melancolia, sempre se algum modo tentando colocar um sorriso no rosto da amada, sempre com seu sorriso que iluminava a vida de Summer.

Mergulhada em seus pensamentos não reparou o olhar do namorado sobre ela. Calum também pensava em Summer. Diferente do que todos diziam a menina era quente como um dia de verão, seu sorriso tornava a vida do moreno mais iluminada, seus chiliques e crises de choro só faziam com que Calum nunca deixá-la, sua paixão por matemática era encantadora e fazia o menino se apaixonara mais e mais ainda por ela.

Como se fosse ensaiado,os dois levantaram o rosto juntos e se encararam,deram um sorriso amável um ao outro e os olhos diziam uma única “eu te amo”. Após esse momento voltaram cada uma a sua tarefa,sem que o sorriso saíssem dos lábios e os pensamentos sempre voltados para o amor de sua vida.

O amor e a paz ali era palpável e o sentimento de que ali eles poderiam começar a formar a pequena família deles era certo.

Mas oras,como eu sei? Bom,às vezes ser um pequeno cupido a trabalho tem suas vantagens.

Beatriz (@mrscmreed)

Eu nunca sei como começar a escrever a introdução da Coluna, eu sempre escrevo e apago milhões de vezes antes de fato gostar do que foi escrito. Mas hoje eu gostaria de começar dando um conselho, um conselho de amiga.

Nunca depositem sua vida, sua felicidade e até mesmo seu motivo de tristeza em alguém, é normal ficarmos tristes por causa da alguém que amamos, sejam nossos amigos, namorados, familiares ou até mesmo nossos ídolos. E é ainda mais normal, e gostoso, ficarmos feliz por alguém.
Nossos ídolos, assim como todas as pessoas em nossa volta tem uma vida própria que não tem nada relacionado a nós, pensem muito antes de ofender qualquer pessoa que seja, ódio gera ódio e amo gera amor. Mais amor, por favor.

Sobre o texto de hoje, eu escolhi um texto pela primeira vez pelo o que ele significa pra mim e não pelo texto em si. Recebi inúmeros textos [de domingo até hoje] muito bem escritos e carregados de sentimentos. Mas esse em particular, tem um espaço enorme na minhavida, além de eu saber tudo que a existência de Luke Hemmings ajudou a Letícia a superar, no fundo eu também sei que eu sou a única pessoa capaz de entender todas as longas conversas e choros sobre Luke Hemmings, assim como ela e a Nanda são capazes de entender o porque Calum Hood foi o meu ponto de paz [mesmo ele não me dando paz nenhuma hehe].

Sem mais delongas,

 

São Paulo, 29 de novembro de 2016.

Meu querido Luke Hemmings,

Escrevo esta carta para você e para todos os que quiserem testemunhar a expressão de meus sentimentos em forma de texto. São 02:37 da manhã e como de costume estou acordada, sendo assombrada pelos pensamentos que só aparentam cessar quando ouço sua voz. Seja através de uma música ou um vídeo, sua voz parece ser uma das únicas soluções para o meu constante tormento. Tenho lágrimas em meus olhos, pois sempre me emociono ao pensar no quanto você me ajudou e tem ajudado. Aliás, tome esta mensagem também como uma forma de agradecimento, eu insisto!

É engraçado quando me lembro da primeira vez que te conheci – sim, houve mais do que uma ocasião, mas você provavelmente não se lembra de nenhuma delas, não é? Pensar que eu fui parar no hotel da banda “errada”, na hora certa, fortalece minha fé no destino! Te vi no corredor e disse apenas um “oi” por vergonha, mas você não falhou em me surpreender: parou no meio do caminho, não entrou no elevador e me perguntou se eu gostaria de falar com você ou tirar uma foto. Nunca imaginei que faria isso, mas aquele era só o primeirowhatsapp-image-2016-11-29-at-11-40-17 sinal, a primeira pista para o que eu viria a descobrir depois.

A noite seguinte veio e nos encontramos de novo, só que dessa vez eu estava triste, muito chateada, à beira do choro. Mas você impediu. Impediu que o choro viesse, impediu que a tristeza invadisse meu coração. Meu amor, você não sabia o que tinha me acontecido, na verdade nem sabia que eu estava mal, mas isso não te impediu de me fazer a pessoa mais feliz do mundo por alguns minutos. Os minutos que mudaram minha vida (para melhor), pois foi ali que percebi, foi ali que descobri o quanto sua presença me faz bem. Seja pessoal ou virtualmente, estar perto de ti abre meu coração para que sentimentos bons o invadam. Mesmo que você nunca saiba, sou muito grata por isso.

Ainda tenho algumas lágrimas caindo, confesso… Mas são de alegria, pode acreditar! É que por sua causa tive a oportunidade de ter um sentimento tão puro crescendo dentro de mim, fico até lisonjeada. E não pense que fico chateada ao pensar que você talvez nunca saiba de tudo que escrevo aqui! Ok, talvez um pouco. Mas se for de fato comprovado, reconheço que talvez você tenha nascido para estar no palco, e eu tenha nascido para te assistir.

Finalizo minha declaração agradecendo por me não me deixar desistir da vida. Com o risco de soar muito, muito, muito melosa te digo: você é o fio que me segura. Espero que possamos nos encontras novamente em algum momento, saiba que sigo aguardando por isso todos os dias. Você é lindo, e eu te amo.

Com muito carinho,

Letícia Lucena. [@itsjustleticia]

November 20th, 2016.

21 years ago a person was born, that 21 years later would be one of the most awesome person that me and all the fans, friends and family  would have the honour to meet and have in our lives.

I’ve never seen Michael up close, never heard his Voice and much less hugged him. But what I see every day when I hear a song, read a tweet or post a single picture of him on twitter, is that he is special on his own way.

With all the love, myself and the whole 5SOSBrasil team, together with all our followers, wish you Michael, all the love in the world and all the success you deserve.

Today our collumn is special and this text written by one of our followers is even more special.

My name is Maria, my user is @talkmeclifford and this is what I’ve written with all my heart for a very special person.

It’s hard – almost impossible – for me to touch the subject Michael Clifford without getting emotional or getting me to love him even more.

I can’t think of a more apropriate way to start this text than this: Michael Gordon Clifford is human.

Impresive right? You thought I was going to say “perfect”? I could very well describe him like that, but would it be true? And human is, without a doubt, one of the most beautiful qualities someone could have. It means you’re still alive, and you still feel. And that is beautiful. And he feels, I may not know exactly what – after all I haven’t developed the hability to read minds yet – but he feels.

After all, is impossible to write songs the way he does without feeling, do the things he does without beeing human (wonderfully human).

But what I know for sure, is that he deserves the world, but the world doesn’t deserve him.

And another thing I’m certain of, is that Daryl and Karen could’ve never imagined 21 years ago that that little angel at their arms would hit with his light the life of more people that they could count.

I’m proud to say that Michael Clifford hit my life in such a deep and beautiful way. He hit me through music, the same music that was my only companion, and I can’t measure how important this is for me. That’s why I love him, for teaching me that there is no problem in turning your back against the world sometimes and fight for what you believe on without thinking about the consequences.

And today I just wanted to say how special, how loved he is by the people that were saved by him. Wanted to say that he is an angel that we’ve meet by chance, but that will never be fogotten by chance. I want him to feel – I know that he feels – this love that burns in me and in thousands of people that were hit by this wonderful light that he is.

Michael Clifford, it doesn’t matter what you’re doing right now, I want to thank you for being exactly who you are. You deserve all the happiness this world can offer you. I hope you can feel our love, we definetly can feel yours.

With the deepest love, just a fan.

O mês de Dezembro está chegando e com ele o clima do Natal, por isso a nossa Coluna do mês de Dezembro será para comemorar e aguçar a imaginação dessa época tão gostosa.

Sendo assim esse mês será dedicado para aquilo que a maioria dos fãs amam fazer: fanfics.

Para participar desse mês é só seguir alguns tópicos, como:

– Tema precisa ser Natal

– Tem que ser com o 5SOS, pelo menos um deles

– Não pode passar de UM capítulo

– Precisa ter nome [tantos os personagens, quanto a história]

Os devem ser enviados para o e-mail: colunahe@gmail.com durante todo o mês de dezembro.

A frequência da postagem dos textos dependerá da quantidade, quanto mais recebermos, maiores as chances de post ir ao ar durante a semana também.

 

Com amor,

Equipe 5SOSBrasil

O texto de hoje fala sobre uma das pessoas mais incríveis e adorável que eu tive a honra de ser fã. É impossível fazer uma chamada para o texto sem me emocionar, pois falar de Calum Hood sempre será a coisa mais difícil pra mim.

O texto foi escrito pela fofa da Julia e eu espero que vocês amem cada linha dele.

Quando o assunto é nosso querido falso japa, vulgo Calum Tomas Hood, chego a ser bem “desesperada”, porque além de meu favorito na banda, me inspira a continuar seguindo em frente e ir em busca dos sonhos.
Mesmo sendo um dos mais sérios e fechados da banda, ele é alegre, fofo, divertido, alto astral, melhor compositor e dono das bochechas mais apertáveis e mordíveis do mundo.
Meu maior orgulho é ver que aquele garoto que sonhava ser jogador de futebol e até passou uma temporada no Brasil para isso, cresceu, e além de se tornar famoso, realizou um sonho. E me alegra é ver que aquele menino, não perdeu sua essência, continua a mesmo brincalhão, sensato, responsável, e o melhor baixista da 5SOS.
Não gosto de lembrar das inúmeras vezes em que fui julgada pelas pessoas por ser diferente, mas não um diferente fisicamente e sim de personalidade. Ou mesmo quando me julgam por deixar de sair para poder ficar em casa participando de TAGs, votações ou até mesmo sonhando com o dia em que poderei conhece-lo.
Meus familiares e amigos falam que é besteira ficar me prendendo a uma bandinha que nem sequer sabe da minha existência, mas sempre falo que eles – principalmente o Calum- me ensinaram que, por mais difícil que seja, não devo me importar com a opinião alheia me aceitando e sendo eu mesmo. Clichê dizer isso? Pode até ser, mas é apenas a verdade.
A cada dia, o sorriso, as piadas, as brincadeiras, as fotos, os tweets inspiradores e reflexivos só me fazem ama-lo cada vez mais. Amar? Sim, A M A R.  Por que ele se importa com os fãs, tanto que já até pagou ingressos de um show pra eles.
Porém, esse anjinho vulgo Cal, não é apenas com os fãs. Ele é simplesmente apaixonado e preocupado com os amigos, e faria qualquer coisa por eles e por nós.
Dói ver as coisas horríveis que ele já recebeu e passou, que foram proporcionada pelas pessoas que se dizem fãs da banda, mas que de fãs não tem nada.  Se meu bolinho está sofrendo eu choro, porque me magoou em saber que ainda há seres que se sentem felizes em estragar o dia do outro.
Só queria de dizer que não importa o que disserem para mim, eu  o amo muito e sei que, apesar de não me conhecer, eu moro no coração dele junto com vocês.
 
All my love!