O 5SOSBrasil deseja tudo de melhor ao nosso querido baixista, Calum Hood. Segue abaixo nosso texto em homenagem à ele:

Sem conhecer, muitos acham que ele seja meio arrogante, antipático, ou ainda julgam apenas pelas “polêmicas”, achando que ele é o típico adolescente que os pais pedem pra gente ficar longe, mas estamos aqui pra dizer quem é o Calum Hood que nós, fãs, conhecemos.

Cal é uma inspiração em muitos sentidos, e o primeiro, e possivelmente mais visível, é como ele nos ensina a dar valor a nossa família e ao que temos. Ele sempre comenta de como é agradecido pelos seus pais, que mesmo com o pouco que tinham, nunca deixaram nada lhe faltar, tanto no sentido financeiro, como no emocional, uma vez que sempre torceram para ele e sua irmã mais velha, Mali-Koa. Falando de Mali, quanto de nós as vezes esquecemos que o/a nosso/nossa irmão/irmã é aquele/aquela que sempre esteve e sempre estará lá? Que está do nosso lado sempre, que nos conhece mais do que ninguém, e mesmo assim não nos aproximamos muito? Calum sempre diz que Mali é sua melhor amiga, sempre fala dela como uma inspiração pessoal… Quando pequeno, queria ser talentoso musicalmente como ela, gostava de R&B, porque ela ouvia o tempo inteiro, o relacionamento dos dois é definitivamente um belo lembrete de que o relacionamento entre irmãos e irmãs pode ser maravilhoso, e talvez, seja o mais sincero que uma pessoa pode ter. Calum, que sempre mantém aquela postura e expressão de forte e, até mesmo meio insensível aos olhos de alguns, já até admitiu ter chorado de saudades da família, o que nos lembra de todos àqueles que acreditam que ele seja um jovem rebelde, daqueles que gritam que é “punk rock” e odeia os pais, não deveriam julgar um livro pela capa… Ou pelo menos deveriam prestar mais atenção na capa, considerando que Calum tem 3 tatuagens para a família (uma pra mãe, uma pro pai e uma pra irmã).

Além da família, podemos dizer que Calum dá bastante valor para aqueles que o cercam num geral, como, por exemplo, seus amigos. Observem as fotos do dia-a-dia de Calum, ele sempre está com algum dos meninos, e quando está na Austrália, sempre vê sua família e, lógico, todos os amigos os quais ele é obrigado a ficar o ano inteiro longe. Hood é um pouco mais reservado nesse aspecto, mas sempre está lá para apoiar e defender seus melhores amigos, sempre comenta como se diverte quando está com eles, e não os troca por ninguém no mundo.

Calum é tímido, tudo bem que já foi mais, mas convenhamos ainda é, principalmente quando está desconfortável, o que é adorável, não é mesmo? Simpático, ele pode fazer a expressão que for, mas é só dar uma olhadinha nos vídeos ou perguntar para as sortudas que já tiveram a chance de conhecê-los para saber o coração de ouro que ele tem; determinado, desde pequeno inclusive, como por exemplo, ao invés de fazer como a maioria das crianças que simplesmente pede pros pais alguma coisa, ele fez um combinado de ganhar um dinheirinho em trocar de lavar a louça, e foi assim que comprou o EP de “I Miss You” do Blink, que ele tanto queria; esforçado, se você acha que a família de Cal simplesmente pagou todo o ensino dele, está errado, Calum tinha um bolsa por esportes e era obrigado a jogar todo dia e dar tudo de si para conseguir estudar na escola Norwest; engraçado, até demais, incrível como alguém tão tímido, quando resolve se soltar, fica tão engraçado – e estranho -, mas faz todos nós rirmos muito.

Ele nos ensinou, acima de tudo, a não ter medo de seguir nossos sonhos, não ter medo de mudar, como ele, que havia sonhado em ser jogador de futebol, até mesmo enfrentou o desafio de ir tão novo para um país, o nosso país, Brasil, com uma cultura totalmente diferente da dele, com a língua diferente, sozinho, e mesmo assim largou tudo para entrar na carreira musical. Até mesmo em meio as “polêmicas” conseguimos aprender com ele a ser honesto, a não negar as besteiras, a ser nós mesmos e admitirmos. Aprendemos a pedir desculpas quando necessário, mas firmarmos o pé e defender nossos ideais quando precisamos também. Nos mostrou que tudo bem sermos nós mesmos, que todos temos falhas, e que devemos superar algumas e aprender a conviver com outras, que afinal, nossos defeitos também são parte de quem somos.

Queremos deixar nossos parabéns para Calum, e desejar tudo de bom para ele. Essa foi uma homanagem não só para ele, mas para todas nós, fãs, que conseguimos enxergar além do que a maioria vê, que consegue ver o enorme coração que há por trás do garoto responsável por escrever músicas maravilhosas, com frases que nos ajudam a enfrentar o nosso dia-a-dia, e que como qualquer outro adolescente, faz besteiras as vezes, mas que é “gente como a gente”, e que tem nosso carinho e apoio em todos os momentos.

 

Equipe 5SOSBrasil

25/01/15 | Calum Hood
Compartilhe esse post:
Você pode gostar de ler também

Deixe seu comentário



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Atualizações da galeria